Blogs: uma nova maneira de ensinar


Fonte: http://blog.horario.com.br/

22 de ago de 2011. Categoria(s): Educação
Uma ferramenta de fácil acesso, criação e manutenção. Essas são as principais qualidades dos blogs, que deixaram de ser apenas um simples conteúdo online para virar material didático.
Segundo a professora da rede pública de São Bernardo do Campo, interior do Estado de São Paulo, Janaína Spolidorio, em entrevista dada ao portal do MEC, a criação de blogs para auxiliar na educação gera maior incentivo para os alunos e envolve todo o ensino básico em um único espaço. “O blog é um espaço virtual que pode ter a função que a pessoa desejar”, comenta.
Para a professora, que leciona para o ensino infantil, algumas publicações são destinadas aos pais, e contam com a participação efetiva deles. “Uma parte do blog, sob a categoria pedagogia, é destinada a ensinar aos pais como ajudar os filhos em casa, como melhorar a aprendizagem dos filhos e outras coisinhas mais”, salienta.
A forma online de ensinar proporciona mais facilmente o aprendizado, que vai da matemática à geografia. Assim, trabalhar com os estudantes através de blogs ajuda também os professores a adquirir maior experiência profissional. “A experiência que ele proporciona é ímpar e, certamente, pode trazer grande ampliação de conhecimentos para o professor”, finaliza a professora.



Redes sociais entram nas salas de aula

4 de jul de 2011. Categoria(s): Educação
Elas surgiram e chegaram com força. As redes sociais, que vieram para melhorar a comunicação, passaram a ser uma ferramenta importante para o ensino dentro das salas de aula.
Enquanto os professores ainda utilizam a velha lousa para passar conteúdos, eles se juntam à internet para ajudar e facilitar o aprendizado dos estudantes. Em microblogs, como twitter, por exemplo, ilustram as disciplinas através de links passados pelos docentes.
De acordo com o professor de literatura da Escola Crescer PHD, em Vitória (ES), Roberto Carlos de Souza, aproximadamente 80% dos alunos se relacionam através das redes sociais e elas podem ser uma alternativa para maior aproximação entre professores e estudantes. Para ele, o uso dessas plataformas dentro das escolas é eficiente e pode ser uma ferramenta importante pedagogicamente.  “A ideia é estar sempre à disposição do aluno para tirar dúvidas, principalmente daqueles em fase de Enem e vestibular”, comenta.
Porém, alguns especialistas, afirmam que o uso dessas ferramentas ainda é considerado “tímido”. Para eles, metodologia de educação, como a desenvolvida por Souza, são raras no Brasil.

0 Deixe aqui seu comentário.:

Postar um comentário